Um dos nós



(Víctor Lemes)

Sinto um vazio entre nós,
Tive sonhos os quais nunca quis que acordasse.
Escrevi palavras de afeto endereçadas a teu coração,
E hoje me olhas com preguiça, não queres me ver.

Não consigo sentir mais do que vejo,
Um par de olhos cansados, não sabem mais o valor do choro.
Meu corpo dói sem meu coração sentir,
Talvez tenhas ido embora, ou fora eu quem morri.

Vai ver sou apenas um nó na garganta tua,
Que te engasga, que arranha, que fere teu sorriso.
Quem sabe então eu seja sempre assim vago,
Visto que saudade é memória lúcida, e é o que me preenche agora.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário