Soneto a meu Sonho

(Víctor Lemes)


Faço de minha palavras
Uma fonte,
Ofereço-as a ti,
Meu Sonho, minha viajante.

Há muita gente
Que diz fazer o mesmo,
Mas as palavras deles
Só enchem o Rio Aqueronte.

Não me canso de procurar sinônimos
Para os meus tantos eu-te-amos,
Ou tudo que sinto por ti.

Levar-te-ei comigo sempre,
Inclusive teu "ei, querido...
Muito obrigada por existir..."


Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário