Apelos

(Víctor Lemes)


É... em breve teu coração
Muda de casa.
Então, minha alma sem razão
Fica lá encostada.

E fica lá a tua espera
Pois teus olhos não vêem.
E fica ali imóvel feito pedra,
Porque teus sonhos ela não tem.

E o relógio marca 23:23,
E a benção e paz batem à porta,
Mas ninguém vem atender.

E os dias continuam somando,
E minha alma ainda sonhando
Que tu irás entrar, e parar de apenas bater.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário