Sem título 35

(Víctor Lemes)

Numa sexta-feira chega
Como quem quer uma dança,
Quem de longe olha se encanta,
Quem conhece ela não se engana.
Finge ser, da rua, a mais santa,
E os olhos são como as folhas das plantas,
Um sobe-e-desce danado,
Já não sabem onde pousar o olhar.
E quando encontram aquele belo rapaz,
Ambos os olhos pousam nele como fazem
As moscas nos pratos sujos do jantar.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário