1 Mês Atrás

(Víctor Lemes)

Com minhas nuvens,
Vago nos céus do Absoluto
E, num instante, vejo tudo;
Porém, a ti pergunto:
- Quando vens?

- Que tanto temes?
Nossas vidas ainda são as mesmas,
Somos uma única gota da Criação,
Embora eu tenha o meu, desejo teu coração.

Sê única, sê completa;
Sê distante, mas sê a mais bela.
- Pensas que não vejo?
- Duvidas do que desejo?

Não estás podre por dentro;
Nem uma rosa morrera,
Tampouco o barco partira...
Não souberam te avisar, Amada,
Que a vida se vive sem precisar de aviso algum:
- Recorda-te do que te disse, tu és UM!

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário