A Fim

(Víctor Lemes)

Há um flerte de palavras,
Eis a desvantagem
De se ter o dom de usá-las
E ainda sentir falta de alguém.

Há um caminho a frente,
Da última página do livro
Não me desfaço, ao caminhar,
Talvez ele, de fato, não tenha um fim.

Meu instante carrego no bolso da camisa,
Não quero mais ser troféu
Na estante de ninguém
Só pra me sentir alguém.

Não vivo nem morro mais em vão,
Se não aqui, acolá, tenho a certeza
De que nos encontraremos novamente
Até o dia que seremos afins.


Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário