Meu Universo

(Víctor Lemes)

Bem vinda ao meu Universo
Assim eu lhe diria
Ao encaminhá-la através
Dos batentes
Sem portas que há
No meu interior.

Isto é,
Se um dia você
Quisesse, né?

Este é meu Universo:
Um infinito de instantes
Onde cada fração de segundo
É e se torna importante.

Há nele o não-tempo
E o não-nada,
Há tão-somente e por enquanto
O caminho que te levaria
Ao meu ser de dentro.

Vê, não me preocupo
Em não ter-lhe nos braços,
Lhe levo em cada décima e terceira
Letra do meu alfabeto,
E se não bastar isso
Na lua a quem tanto escrevo sobre
Também lhe tenho ali:
Em conjunto.

Este é o meu Universo,
Seja bem vinda,
Eu lhe direi.


Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Víctor Lemes, idealizador e administrador do blog, geminiano nascido em 1989, em São Bernardo do Campo. Formado em Letras (UniAnchieta/Jundiaí - 2009), e pós-graduado em Especialização em Língua Inglesa (UniAnchieta/Jundiaí - 2011), trabalha como coordenador pedagógico e professor de inglês na escola de idiomas CNA, localizado em Louveira, cidade em que mora desde 2002.

0 comentários:

Postar um comentário